A Alsina apresenta o vídeo do seu sistema de Viga Suspensa Modular. O primeiro sistema de cofragem concebido de forma específica para a cofragem de vigas suspensas e recuperáveis. Após o betonado da viga, boa parte dos seus elementos são recuperados depois de 72 horas.

Trata-se de um sistema metálico de fácil montagem que soluciona os problemas derivados da utilização de madeira e de cofragens com vigas não recuperáveis, composto por elementos fabricados com moldura de aço reforçado e superfície de cofragem fenólica.

O VCM é um sistema leve para ser utilizado a mão (22 kg/m2) e resistente para a carga de uso que tem de suportar (25 kN/m2). Por outro lado, trata-se de um sistema que, desde o princípio, tem em conta o escoramento necessário para a realização de descofragens parciais, sem afetar outros escoramentos que acompanham a estrutura até atingir a sua resistência, permitindo recuperar não apenas as laterais das vigas, mas também parte dos fundos, além de considerar as consolas para o esvaziamento da estrutura, com os quais se espera que o operário possa trabalhar de forma correta, sem necessidade de se agachar ou pendurar, mantendo a ergonomia correta de forma cómoda e segura.

Com este novo sistema, a Alsina contribui para que a cofragem de vigas seja um processo ordenado, seguro e rentável, visto que foi concebido para reduzir o tempo e melhorar a qualidade nos trabalhos de cofragem e descofragem das vigas.

O sistema VCM foi utilizado com sucesso em várias obras, entre as quais se encontram:

  1. A Universidade Tecnológica do Peru (UTP) 
  2. Residencial Vista Verde no Peru 
  3. Hospital de Curicó no Chile 
  4. Conjunto de vivendas “El Encanto” no México
  5. Residencial Clariant na Índia